A decantação é um processo de separação que permite separar misturas heterogêneas. Utilizada principalmente em misturas bifásicas, como sólido-líquido (areia e água), sólido-gás (poeira-gás), líquido-líquido (água e óleo) e líquido-gás (vapor d’água e ar). Sendo esse processo fundamentado nas diferenças existentes entre as densidades dos componentes da mistura, e na espera pela sua decantação. A mistura é colocada em repouso num recipiente, de preferência fechado.

Após a separação visual (fases), o processo pode ser feito através de vários métodos, que podem mudar o nome decantação por sifonação ou funil de decantação:

• Decantação: separa-se um componente do outro através de um bastão de vidro, vertendo o líquido lentamente com a ajuda do bastão, até a substância menos densa passar para o outro recipiente. Este método evita que o líquido escorra para fora do recipiente, passando perfeitamente pelo bastão, e muito utilizado em separações de misturas sólido-líquido, como areia e água.
• Funil de bromo ou funil de decantação: este método é usado para separar líquido-líquido, como óleo e água. O líquido mais denso passa controladamente através de uma válvula que é fechada imediatamente quando sua separação se completa, ou seja, antes que o líquido menos denso passe pela válvula e se misture novamente com o outro recipiente.
• Sifonação: o recipiente que contém a mistura é colocado a uma altura superior do recipiente em que ocorrerá a separação e, através de um sifão, a substância menos densa é passada para o outro recipiente. Isso se deve à pressão no recipiente de cima ser maior do que no de baixo. Esse método só é possível se o sifão estiver completamente preenchido pelo líquido. Método muito utilizado também para esvaziar piscinas, aquários e transferir combustível de um recipiente para o outro.

Esses processos acontecem dentro de tanques específicos conhecidos como decantadores. O problema é que quando o líquido possui um nível considerado de pH que corrói o equipamento. A solução para isso é que o equipamento seja feito com um material anticorrosivo, o PRFV (fibra de vidro).

PRFV ou Fibra de vidro

PRFV ou Fibra de Vidro é um material feito da mistura da resina com a fibra de vidro que substitui o metal devido diversas vantagens como a anticorrosão.

O PRFV é um material resistente e flexível, o que permite se criar equipamentos complexos e engenhosos como decantadores de fibra de vidro. Sua resistência física se iguala ao de metais porem sua vida útil é várias vezes mais durável do que as de ferro podendo chegar até 30 anos sem precisar de manutenção. Isso o torna perfeito para o contato com os materiais corrosivos que o decantador de PRFV recebe para o processo.

Outra vantagem da fibra de vidro ou PRFV é a sua leveza, o que permite fácil transporte e instalação do equipamento.

Quando o assunto é decantadores ou tanques, o melhor material é a fibra de vidro (PRFV).

*PRFV: Plástico reforçado com fibra de vidro.

decantador de fibra de vidro PRFV

Conheça todos os modelos de tanque de Fibra de vidro (PRFV) que a Interfiber oferece clicando aqui.